segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Após Pequena Polêmica, Campanha de Doação de Sangue Segue de Pé! [Chapa2 #129]

Quem acompanha as atividades do Movimento pela Legalização da Maconha no Rio de Janeiro já sabe que no próximo sábado será realizada a campanha de doação de sangue Maconheiro Sangue Bom. O grande número de voluntários fez com que o evento deixasse de ser realizado no INCA (Instituto Nacional do Câncer) para ser feito no Hemorio, que possui uma infraestrutura maior para receber o grande grupo de doadores comprometidos com a causa.

 

Até ai tudo corria muito bem. Mas coisa começou a desandar quando um representante do MLM entrou em contato com o Hemorio para agendar a doação coletiva. Ao explicar que se tratava de um grupo de usuários de maconha ele teve o pedido "vetado" com o argumento de que o período de abstinência deveria ser de no mínimo 30 dias, já que a instituição segue "os padrões norte-americanos de regras para doação de sangue" que ainda é de 30 dias.

 

Acontece que desde o dia 14/06/2011 a Portaria 1353 do Ministério da Saúde determina que o período de abstinência para usuários de maconha que desejam doar sangue é de apenas 12 horas (o mesmo período utilizado para o consumo de bebidas alcoólicas). A polêmica foi para até na coluna do jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

 

A assessoria de imprensa do Hemorio negou a restrição de 30 dias e deixou claro que todos os voluntários serão recebidos e poderão fazer a doação após a passarem pela entrevista e triagem de rotina. A única restrição é de que a doação não esteja vinculada a algum grupo político, neste caso a defesa da legalização da maconha. De acordo com assessor essa postura de desvincular um ato voluntário de doação de sangue com movimentos políticos faz parte tradição da instituição. Foi assim em campanhas semelhantes feitas por bombeiros e professores em greve.

 

Resolvida a polêmica é chegada a hora da massa canábica carioca preparar o corpo para a doação neste sábado (20/08). É importante repetir que o período de abstinência para a maconha e bebidas alcoólicas é de no mínimo 12 horas. Nosso encontro começa a partir das 10h na porta do Hemorio, que fica na Rua Frei Caneca, 8, no Centro do Rio. Se estiver perdido é só clicar no link da rua que o Google salva!

 

Confira alguns requisitos básicos para os voluntários a doação. (retirados do site do Hemorio)

- Portar documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho certificado de reservista ou carteira do conselho profissional)
- Estar bem de saúde
- Ter entre 18 e 65 anos
- Pesar no mínimo 50 Kg
- Não estar em jejum. Evitar apenas alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação

 

• ALGUMAS SITUAÇÕES QUE IMPEDEM PROVISORIAMENTE A DOAÇÃO DE SANGUE:


- Febre - acima de 37°C
- Gripe ou resfriado
- Gravidez atual (90 dias após o parto normal e de 180 dias após a cesariana)
- Amamentação (até 1 ano após o parto)
- Uso de alguns medicamentos
- Anemia
- Cirurgias
- Extração dentária 72 horas
- Tatuagem: 01 ano sem doar
- Vacinação: o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina
- Transfusão de sangue: impedimento por 01 ano.

13 comentários:

  1. Vixi 30dias por causa de erva e o cigarro então é de quanto ??um ano ??

    ResponderExcluir
  2. Tem que mudar muita coisa isso é da epoca que coseguiam enganar apopulação que acreditava que maconha era droga, vixi faz tempo. Aposto que quem quer vetar é esse pessoalzinho que mistura politica com religião e pensa que o mundo tem que andar pra atras uns 2000 anos, nada contra os cristões, só aqueles que tentam impedir o mundo de andar pra frente.
    Ass:maconheiro sempre, drogado nunca.

    ResponderExcluir
  3. Capaz de jogarem o sangue todo fora..

    ResponderExcluir
  4. "os padrões norte-americanos de regras para doação de sangue" Chegou à imprensa amarelaram.

    Não tô dizendo: Brasil fantochezinho de americano. A hora que o tio sam der a ordem 'coma maconha', os hipócritas abandonam de imediato o discursozinho de merda.

    Congresso pede pra sair.

    ResponderExcluir
  5. sempre tem um filha da puta para tentar estragar o lance da galera, representante do MLM é o caralho...vai tomar no cu seu desgraçado de merda ...paz....ahsuahsuhasuhshaus

    ResponderExcluir
  6. Goiania estará dentro!!

    ResponderExcluir
  7. e lsdd? quando tempo?

    ResponderExcluir
  8. eu e meu pai doamos sangue ano passado, e tínhamos fumado um dia antes, também tinha tomado acido nesse mês, não tivemos problema algum para doar.

    ResponderExcluir
  9. "sempre tem um filha da puta para tentar estragar o lance da galera, representante do MLM é o caralho...vai tomar no cu seu desgraçado de merda ...paz....ahsuahsuhasuhshaus"

    Acho que você não entendeu, o representante do MLM não foi quem proibiu as doações, ele recebeu esta informação, o MLM é quem está convocando o ato de doação.

    E quando foram procurados pela imprensa o Hemorio negou que estivesse proibido.

    ResponderExcluir
  10. quem toma acido fica quando tempo sem poder doar?

    ResponderExcluir
  11. Tentaram usar o preconceito...só que foi parar no Globo. Aí, fodeu. Voltaram atrás.

    ResponderExcluir
  12. Nos Dstados Unidos já tem até programa de TV sobre maconha. Enquanto a nossa sociedade ta aí cheia de hipocrisia e preconceito, eles já estão muito mais na frente... esse negócio de "guerra as drogas" é só da fronteira pra fora, lá dentro a coisa já é outra... quando legalizar mesmo a sociedade já vai estar de cabeça feita".

    vai vendo...

    abraços

    ResponderExcluir
  13. oo maan... a idade minima diminui.. agora pode doar a partir de 16.

    ResponderExcluir