terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Fluorescentes X Vapor de Sódio: qual a melhor lâmpada para o cultivo?

por Sérgio Vidal

 

Essa semana não tivemos mensagens do/as leitore/as para responder. Então, dessa vez, começo o texto pedindo para enviarem suas dúvidas para o email cultivo@hempadao.com para que na próxima semana possa retomar respondendo as dúvidas da galera.

 

 

Como não tinha um tema específico, decidir falar a respeito de uma dúvida comum de muitos conhecidos meus. Muita gente me pergunta se é possível cultivar usando lâmpadas fluorescentes apenas. Outros afirmam que para tirar flores bem resinadas só usando lâmpadas de vapor de sódio na floração. Alguns, aos quais eu quero dar destaque, não só afirmam que é possível cultivar usando apenas fluorescentes, como têm tido ótimas colheitas dessa forma.

 

 

Em textos de semanas anteriores expliquei que a cannabis é uma planta que adora o sol. Ela gosta muito de luz e quanto mais luz você lhe der, mais ela vai crescer. Porém, a cannabis, especialmente variedades híbridas e indicas, odeia calor, principalmente na época da floração. Um calor muito intenso prejudica o crescimento da planta durante o vegetativo, diminuindo seu metabolismo em até 20%. A planta gasta energia mantendo seu sistema de transpiração em intenso funcionamento para garantir que sofrerá menos os efeitos do calor. Temperaturas muito quentes durante a floração prejudicam a formação dos cálices, diminuem a produção de resina e, em geral, fazem baixar o rendimento.

 

A maioria das regiões do Brasil faz bastante calor durante todo o ano. Em algumas, o calor se intensifica mais apenas no verão. Mas, em todo o país, o calor é um fator que atrapalha bastante o uso de lâmpadas de vapor de sódio (HPS) ou de vapor metálico (HQI), pois essas lâmpadas produzem uma quantidade muito grande de calor.

 

No cultivo de cannabis não é apenas a quantidade de luz que interfere na saúde das plantas. É claro que esse é um fator importante, mas se as plantas estiverem recebendo quantidade suficiente de luz, mas o calor estiver muito grande, a saúde das plantas estará prejudicada. O mais importante é tentar manter o equilíbrio entre todos os fatores que interferem no crescimento. Água, solo, nutrientes, luz, escuridão, umidade, temperatura e circulação do ar. Esses são, de modo resumido, os fatores que devem ser mantidos em equilíbrio durante o cultivo. O que se conclui é que, caso não seja possível equacionar o calor gerado por lâmpadas HPS ou HQI, é melhor investir no uso do esquema de estufas menores, alimentadas com lâmpadas fluorescentes.

 

Porém, quem opta por utilizar fluorescentes na floração precisa ficar atento a duas coisas importantes: 1) a luz produzida por lâmpadas fluorescentes tem um poder de penetração menor que o de lâmpadas HQI e HPS, por isso, será preciso florescer as plantas ainda pequenas, para que as lâmpadas possam ficar o mais próximo possível; 2) lâmpadas fluorescentes produzem muito menos calor que HPS e HQI, mas também podem queimar as plantas. Elas devem ficar próximo, mas jamais tocar nos vegetais. Fique atento!

 

Para as pessoas que consomem pouca maconha, ou têm pouco espaço, o uso de estufas com fluorescentes também é uma ótima saída. Para esses casos, aconselho que cultive plantas indica ou hibridas com predominância indica, pois precisam de menos luz. Também sugiro que façam o esquema de manter 2 estufas, uma com planta-mãe e clones, e outra para floração, pois assim é possível colocar clones de plantas fêmeas para florir com estatura bem pequena ainda, logo depois que eles criem as raízes (VEJA AQUI). Na estufa de vegetativo devem ser usadas fluorescentes brancas (luz do dia) e na estufa de floração, fluorescentes amarelas (warm White).

 

Por fim, gostaria de alertar também que existe grande diferença entre os produtos vendidos no mercado de lâmpadas. Uma lâmpada de um fabricante produz uma quantidade de luz por watts de energia consumida maior ou menor que outros fabricantes. É muito importante que na hora de comprar as lâmpadas você compare a produção de lumens (lm) por watts de cada fabricante. Isso vale para lâmpadas fluorescentes e para lâmpadas HQI e HPS também. Concluo afirmando que, em condições ideais, onde o calor não é um problema, ou o cultivador pode instalar um aparelho condicionador de ar na estufa, as HPS e HQI têm sim um melhor rendimento. Mas a maioria das pessoas está distante da realidade de comprar um condicionador de ar para si próprio, quanto mais para as plantas. Então, nesses casos, é melhor optar por um tipo de cultivo no qual o calor possa ser melhor controlado.

 

Aguardo as mensagens de vocês! Mandem email para cultivo@hempadao.com

Grande abraço e até semana que vem!

Leia os textos do #CultivoVital de outras semanas – AQUI!

32 comentários:

  1. porra, primeira vez que vejo um post realmente bom sobre cultivo hahaha, valeu

    ResponderExcluir
  2. MUITISSIMO OBRIGADO Sergio, essa era uma duvida que me corrompia a alma. Não tenho verba suficiente ainda para as hps e hqi, oulampadas tao potentes, entao queria saber se as fluorecents resolveriam, mas sempre é um tema bem confuso nos topicos.
    Agradeço.
    Giovani "Lezadera"

    ResponderExcluir
  3. Por enquanto tô de fluor, mas nada como uma lâmpada de alta descarga... HQI+HPS é a combinação perfeita!

    ResponderExcluir
  4. com meu cultivo é pequeno uso na flora uma hqi de 70w e 150w na flora, mas mesmo assim altas temperaturas são uma pedra no sapato. mas resolvo com uma boa exaustão e um ventilador na cara das plantinhas, rendimento com essas lampadas é pequeno, mas vale muito a pena, pois não tenho que me sujeitar a ter que ir até um traficante, dar grana pra ele comprar armas e fumar uma maconha de péssima qualidade.
    Quem sabe logo teremos um plantio regulamentado ai sim a coisa vai ficar digna

    ResponderExcluir
  5. queria ver uma foto de um bud feito sem ser na hps. Quem fala isso nunca cultivou em indoor, é tudo pura teoria ou o resto do mundo faz errado.

    ResponderExcluir
  6. prefiro mesmo em oout pq nao me preocupo em gastar energia com lampadas, vento e as meninas adorao o sol ;D

    ResponderExcluir
  7. a produção com fluorescente fica com muito menor tacha de thc e gosto do fumo, floração SOMENTE com hps,,,, o post faltou considerar isto, nunca que uma produção de fluorescente vai ser melhor que hps, a não ser para vegetar

    ResponderExcluir
  8. No Growroom.net, no Cannabiscafé.net e em um monte de outros lugares na internet tá cheio de bud lindo cultivado só com fluor... Deixa de ser alienado o anonimo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo vlw... Por causa desse comentário pessimista eu quese ia desistir de colocar pla florir minha cannabis tem 50 cm e ia perder meu tempo... Kkkkk vlw..blother.

      Excluir
  9. Ao anônimo que disse que quer ver um bud cultivado com fluorescentes, dá uma olhada aê... :D

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=180897192023534&set=a.180896662023587.39595.127548060691781&type=3&theater

    ResponderExcluir
  10. Em outras palavras, e indo direto ao assunto. Sendo conhecido que as plantas utilizam os pacotes de energia luminosa contida nos raios de luz para fazer mover o mecanismo de fotossintese, devemos levar em consideração o spectrum tão quanto a intensidade (PAR) de luz.

    Considerando todos os aspectos relevantes, eu concordo com o Vidal no sentido de que é sim possivel produzir um bud de qualidade com fluor. A unica diferença entre o uso de lampadas de alta intensidade não será nem nos quesitos THC ou quantidade geral de canabinoides e tarpenes, mas sim no peso e densidade final dos produtos cultivados. Já que o excesso de carbono processado durante a produção de ATP é que é transformado em tecido (bud)

    é nois que planta! =)

    ResponderExcluir
  11. opaaaa, eu sou o anonimo que falou a tres post atras, eu nunca falei que o bud fica pequeno, e nenhum estudante de fumo se baseia por foto do bud, e sim cheiro, gosto, e os tipos de força. Eu ja vi e fumei alguns buds de fluorescente dos amigos e também testei plantar com fluorescente, nem se compara com hps, pois, a emissão de sódio emitida pela HPS em luz serve como um alimento para o thc e outras substancias da cannabis que fazem efeitos, algo que não ocorre com a fluorescente. O gosto da planta e os efeitos nem se compara.. lembrando que falo aqui por teste... e aproveitando que estamos falando de lampada, vou falar sobre a led tmbm, que havia testado, e esperei mais gente testar para falar mais, e descobri que no brasil são poucos plantando desta forma, mas graças a Deus meu queridissimo jorge cervantes textou e chegou na mesma conclusão que havia chegado, de que a planta cresce fraca, fica com o tronco mole, sem força,ou seja é ruim até para o vegetativo, imagine só então para floração. e falaram tão bem na gringa de produção com led, tudo balela. Eu sou muito mais o sol de sampa no sentido mais próximo da cidade de araçatuba para plantar, qualquer coisa cresce bem e o sol de lá é de rachar, pois é a parte do estado de são paulo mais quente, lá produz bem pra caralho, melhor que até que a quentura do maranhão. mas enquanto estiver proibido, utilizar a hps nem se fora no ultimo mes de floraçao, mas de forma alguma fluorescente, neste ultimo caso, eu aconsenho comprar prensado e agradece o paraguay e os trazedores de cannabis por ter chance de ter um prensado na mão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AMIGO, vc ainda planta?! Sou perto de Bauru..

      Excluir
  12. Ao anônimo acima, De onde diabos você tirou que o sódio da high pressure sodium é "alimento pra o thc e outras substancias"?
    Suas colocações não fazem sentido e voce ainda deu uma forçada querendo falar de LED mano.

    E btw, o Cervantes é um ótimo grower, até hoje consulto a bibia para algumas coisas. Mas ele está muito ultrapassado para os tempos de hoje. Infelizmente, ele se deixou ficar obsoleto, tecnologicamente falando. Se você quer aprender sobre as novas tecnologias sendo aplicadas no cultivo da nossa querida maryjane, procure outros autores mais engajados na cena atual.

    De qualquer forma, você está viajando em quase tudo que tu falou. Estude mais um pouco sobre a fotossintese.

    abç.

    ResponderExcluir
  13. Ola eu cultivo a 2 anos com flur e to querendo mudar para leds para diminuir minha conta de luz e por acreditar que seja mais eficaz que as de flur, queria saber se alguém ja fez alguma lampada de led ou o negocio é mesmo compra as UFOS.

    ResponderExcluir
  14. eu de novo, o anonimo que falou que não dá para substituir a hps pela fluor, não quero causar nenhum reboliço, eu sou estou afirmando meus anos de experiencia e de meus camaradas, e com relação ao h. planta a dois post atrás, eu tmbm debati com camaradas sobre a led, e meus testes foram com a ufo, não testei com as novas leds melhores, tipo supernova, então realmente tenho que testar mais para poder falar mais sobre ela. mas com relação a hps e fluor, sem muito mémémé cientifico, na prática se eu pego duas espécies de plantas iguais e coloco uma sobre fluor e outra sobre hps, a que fica sobre hps acaba sendo exigido maior protetor solar que a fica sobre a fluor, e para este protetor solar a planta solta maior resina com thc, algo que não ocorre sobre a fluor, por isto que coloquei no meu post anterior que o sódio serve que como um alimento para o thc, pois os tricomas ficam mais nitidos no seu apice.

    ResponderExcluir
  15. rola usar lampada de led?

    ResponderExcluir
  16. eu sou o mano dos post atras que falou que a produção com hps não é igual a fluor, e que os caras querem teimar ao contrário, ver o video no hempadao 157 clolheita de pitbull, e verá a diferença de fluorescente para hps.

    ResponderExcluir
  17. o video está no hemptube, esqueci de colocar.

    ResponderExcluir
  18. Eu fiz meu primeiro cultivo com fluor pois meu espaço era pequeno pra uma hps. Claro que hps faz a diferença, mas pra quem quer economizar na energia e mora em lugares quentes o fluor cumpre seu papel mt bem. Usei semente de prensado e resinou muito. Tudo depende da quantidade de luz (medida em lumens) no total de lampadas.

    Pra quem nunca cultivou nada, como eu, esse hobbie ocupa bastante tempo até pegar o jeito certo. Existem diversas técnicas para cada ambiente e pessoa, o negócio é entender cada uma e saber qual melhor se aplica pra vc, por isso requer tempo e dedicação.

    ResponderExcluir
  19. e qnts watts é necessario para cada estado vegetativo e de floração?

    ResponderExcluir
  20. eu tenho 2 refletores um de vapor de sodio e um de vapor metalico eu posso uzar os 2 para florir? ou só o de vapor de sódio?

    ResponderExcluir
  21. Salve salve irmandade do Hempadão,
    Construí uma estufa de 1,30 m de altura, 1,20 m de comprimento e 85 cm de largura.
    Gostaria de saber quantas fluorescentes devo usar e de quantos watts ?




    Desde já agradecido

    ResponderExcluir
  22. Eai Sergio!

    Po cara, fiz um pcgrow no meu quarto, mas estou pensando em mandar fazer no marceneiro uma estufa com mais estrutura pras plantinhas, porém tenho bastante dúvidas a respeito desse assunto, quero saber se é viável, ou não o investimento...As ervas não desenvolvem quando eu coloco no gabinete (elas germinam de boa mas quando vai pra estufa, elas simplesmente morrem). Comprei substrato orgânico, esterco e um fertilizante 9-14-10, estou usando uma florescente de 45W, mas não sei se é o suficiente, a ventilação ´tá funcionando bem ( eu acho) com um exaustor na altura da lâmpada e um ventilador na altura das ervas...também pode ser as sementes, pego as sementes das massas que compro por aí ( nunca comprei sementes de fora)...enfim, queria trocar uma ideia com vc, moro em aracaju, sou brother de Fábio Chara, acho que vc conhece ele...tentei entrar em contato com vc antes, por um e-mail que estava disponível em um site que tinha seu livro a venda, mas nada...tenho interesse no seu livro tb! A gente pode combinar de se bater, trocar uma ideia enfim...aguardo uma resposta, meu e-mail: victoralima@hotmail.com

    Até mais!!

    ResponderExcluir
  23. mano, qual a concequencia de usar uma lampada de vapor de sodio durante todas a faze da planta ?
    ela vai demorar um poco mais para chegar a florir ? o nao vaise desenvolver ?

    ResponderExcluir
  24. Plantas não gastam energia pra transpirar. Esse é um processo físico espontaneo. Essa transpiração também não tem função de refrigerar, como acontece conosco. Ela transpira somente porque os estomatos abrem. A planta perde energia com calor, porque as enzimas que fazem a fotossintese criam uma maior afinidade por oxigênio do que pelo CO2 quando a temperatura aumenta, diminuindo a eficiência do processo. É um processo que se chama de fotorrespiração.

    ResponderExcluir
  25. Ola pessoal e a primeira vez que escrevo para aqui e a primeira vez que planto e no estado vegevetativo leds brancos de alto brilho e otimo e para o tronco nao ficar fino e mole e porque fez falta uma ventinha para lha dar forca como na naturesa ,como tenho pouco espaco vou floralas com fluor e la mais para a frente com leds vermelhos e azuis com ondas especificas,quando tiver resoltados volto a escrever,abraco e bom cultivo a todos

    ResponderExcluir
  26. Excelentes dicas, pois estou cultivando meu primeiro pezinho a Scarlett. Ela esta com duas semanas e está linda, estou cultivando em uma caixa na minha casa e essas dicas foram super uteis pois estava com muitas duvidas a respeito, pois utilizo lampada fluorecente,valew

    ResponderExcluir
  27. Quem quizer sementes de natural eu vendo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu quero meu face e josias yud shin vav ain

      Excluir
    2. eu quero muito meu contato wats 11977861545

      Excluir
  28. parabens muito util suas informaçoes que bom vc passa mensagem que o cutivador precisa saber tem uns ai que so pensa em vender o produto

    ResponderExcluir