sexta-feira, 4 de maio de 2012

Repressão Sem Lei é o Lema da Guarda Negligente! [bONG Ed. 166#]

Não é fácil a vida de um usuário morador de cidade pequena. Além de enfrentar o velho conservadorismo é preciso encarar a estrada na busca de uma maconha de qualidade aceitável. Saindo de Nazaré Paulista dois irmãos viajaram cerca de 25 km até uma comunidade de Atibaia em busca da erva para o final de semana.

 

A missão foi tranquila até o início do retorno ao lar. Na saída da favela os dois foram abordados um tira da Rocam (de moto), que imediatamente sacou a pistola e enquadrou os dois no canto da parede.

 

A poucos metros da boca era inútil negar o motivo da passagem pelo local. Assim, não demorou muito para o Tira encontrar duas parangas no bolso do irmão mais novo, porém mais mais forte. E foi essa diferença no porte físico que determinou a escolha do policial na hora de aplicar o castigo fora da lei.

 

Sem pensar muito, ele escolheu o irmão mais fraco - e que estava sem flagrante -  para levar um direto na altura do peito com força suficiente para deixar a marca do crucifixo gravada na pele por alguns dias.

 

Passada a agressão, o Tira liberou suas vítimas e os dois voltaram para o lar sem a erva, que dificilmente teve o destino que manda a lei. Servir e proteger? Passou longe!

 

Se você já foi vítima da Guarda Negligente mande um relato para redacao@hempadao.com

17 comentários:

  1. o medo de todo corre =/

    ResponderExcluir
  2. pois é, ridiculo isso, se voce financia o trafico, o maximo q acontece é voce perder 50 reais para o policial, agora se voce planta para seu consumo proprio sem dar dinheiro a bandidos e corruptos vc se da mal, ate acaba conseguindo provar q eh pra voce mesmo, mas ate ai ja se passou pelo menos um dia em cana, ISSO TA ERRADO JA PASSOU DA HORA DE MUDAR!!

    ResponderExcluir
  3. Ou seja, mais um policial que rouba maconha! Ladrãozinho sem caráter. Vergonha pra honestos. A proibição induz a maioria dos policiais a virarem bandidos corruptos. Posso não utilizar maconha, mas não sou cego.

    ResponderExcluir
  4. É muito fácil dar um soco em alguém quando se está armado. Tinha um policial que fazia muay thai comigo,como eu adorava lutar com ele,eu tirava toda minha revolta de maconheiro,no focinho dele,eles são burros intelectualmente falando,o raciocínio desse era lento e na maioria das vezes estão obesos,bom pelo menos esse era e o melhor, ele sabe que eu fumo muita ganja.

    ResponderExcluir
  5. Ola Rapaziada, a guarda negligente não da jeito mesmo neh?
    Mais ai rapaziada mais uma vez um fato trágico acontece com um Stoner que teve seus 23 pés de maconha apreendidos aqui no paraná mais precisamente em Curitiba.Veja a matéria e as fotos do cultivo no LegalizePR!

    http://www.legalizepr.com/2012/05/policia-apreende-23-pes-de-maconha.html

    ResponderExcluir
  6. já que, no momento, é impossível não ser enquadrado, perder dinheiro pro tráfico ou para os corruptos e nem plantar para consumo próprio, ao menos a abordagem poderia ser diferente. pra quê os socos, violência? já não basta o nervosismo de ser parado e perder o que acabou de comprar? até quando essa policia despreparada vai continuar agindo desse jeito?

    ResponderExcluir
  7. Coxinha!!! Lixo de autoridade!!!! Vagabundo!!! Corrupto!!!! Covarde!!!!!

    ResponderExcluir
  8. perai, 25km pra pega 2 paranga? vishhhhhh vai se tonto assim..........

    ResponderExcluir
  9. CONTINUARÃO SE FODENDO SE ACEITAREM ESSAS MERDAS DE AGRESSOES, DENUNCIE!

    ResponderExcluir
  10. acho q se eu morasse tipo interior mano ia planta e nen compra

    ResponderExcluir
  11. porra veio moro no interior é foda eu moro no RS , na região da campanha , e aki muito foda em tudo as pessoas são caretas mesmo ,se você fuma maconha voce e vagabumdo marginal fora q eles mem sabem de nada pra eles maconha, crak e pÒ e tudo a mesma coisa so di lembra da cara daqueles velho ja da raiva e fora a maconha q é uma merda cara ruim mesmo e ainda uma busca pra concigui ai valeu espero dias melhores

    ResponderExcluir
  12. O sonho de todo vigarista é entrar para a política, assim como o sonho de todo bandido é entrar para a polícia. Sempre vai haver policiais cretinos, o negócio é fazer um BO e denunciar esta agressão, mesmo que para isso tenha que dizer que foi buscar maconha. É a vida.

    ResponderExcluir
  13. Gráfica recusa serviço e atrasa 1ª revista sobre maconha no país.

    ResponderExcluir
  14. Bah mano 25 km pra buscar duas paranga é embaçado mesmo, se fica ruim pra você plantar em casa, planta no meio do mato mesmo, assim que faço aqui na minha cidade.

    ResponderExcluir
  15. Vejam exemplos classicos de como puritanos e proibicionistasestão combinando para escraxar os que lutam contra a guerra do narcotrafico em seus comentarios maldosos:
    Beleza enquanto estão em casa fazendo comentarios desejando o mal do proximo,estamos na rua lutando pelos nossos direitos:
    http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1086174-marcha-da-maconha-termina-em-confronto-na-zona-sul-do-rio.shtml
    http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5756666-EI8139,00-Marcha+da+Maconha+termina+em+confusao+com+a+policia+no+Rio.html
    http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5756892-EI8140,00-Milhares+de+argentinos+pedem+descriminalizacao+da+maconha.html

    ResponderExcluir
  16. esses jornais manipulando informação e FODA

    ResponderExcluir
  17. A MACONHA SÓ PASSOU A SER CRIMINALIZADA APÓS UMA CAMPANHA DIFAMATÓRIA ARQUITETADA POR EMPRESÁRIOS AMERICANOS DAS INDÚSTRIAS PETROQUÍMICA, FARMACÊUTICA E CELULOSE NA DÉCADA DE 1930, COM A CONIVÊNCIA DE BANQUEIROS E DO GOVERNO DOS ESTADOS UNIDOS.

    ResponderExcluir