sábado, 12 de maio de 2012

Violência Policial na Marcha do Rio! [Torrando com Tomazine Ed. #167]

O que aconteceu na Marcha da Maconha do Rio de Janeiro não pode ser esquecido. Além disso é preciso esclarecer como a confusão começou e desmentir a versão da polícia que o ataque só começou porque o acordo de ocupar apenas duas faixas da rua e terminar a passeata as 18h não foi respeitado. Fala ai, Tomazine!

 

 

Clique aqui e veja as outras edições do Torrando com Tomazine!

11 comentários:

  1. A policia é muito covarde, ainda mentiu as informações!!!

    ResponderExcluir
  2. Olha só, sempre concordei com Tomazine, mas nessa história com Wagner Montes não acho que esteja certo. Assim como aconselha-se a não fumar um baseado na passeata para não ocorrer simulações como aquela do câmera dando um baseado(?) a um imbecil, pregar um adesivo numa pessoa que não tem o menor discernimento ainda para saber o que escolher, se participa ou não de uma passeata, também deveria ser sugerido aos manifestantes. É como a cena de um seguidor do Santo Daime molhando a boca de um bebê com Ayuasca que ficou marcada num programa de TV há uns 20 anos anos atrás...na época houve um debate sobre aquela cena. Sou a favor da legalização, mas acho o assunto delicado pra cacete ainda, estamos pisando em ovos, mas há 3 anos foram 2 mil na passeata, 2 anos 4 mil, hj 8 mil. Tenho fé que em 5 anos poderemos já estar semeando o campo. Plante já!

    ResponderExcluir
  3. E as outras marchas galera?? o que ta rolando????

    ResponderExcluir
  4. Fábio, botar um chá de Ayuhasca na boca de uma criança não tem NADA A VER com colar um adesivo. Deixa de ser mané.
    Quero ver você reclamar dos pais que batizam as crianças sem saberem se eles querem ser católicos ou não.

    ResponderExcluir
  5. Acho q o 'polícia, maconha é uma delícia' devia ser usado somente em momentos em que a polícia realmente esteja vacilando, exagerando com um vacilão que tá fumando escancarado, por exemplo... Muitos policiais não têm maturidade então é parada também de nós demonstrarmos sagacidade. Chega de ódio gerando ódio. Vamos parar essa máquina. O Planta tem letras muito mais fortes, aquele refrão 'proibir uma planta é sacanagem' é de arrepiar. Abraços, paz. André

    ResponderExcluir
  6. Tomazine, sem ofensas por favor, não é assim que se chega a um debate, isso mostra imaturidade, tenta manter o nível. Sou contra o batismo de qualquer criança por qualquer Igreja seja ela qual for. Estou falando que a história do adesivo ME LEMBROU a história da Ayuasca. Um lado da imprensa, a polícia, sempre tentarão arrumar pretextos pra dizer que o maconheiro é um irresponsável, poderia se evitar isso numa passeata? Poderia. Como? Eu acho que não fumando (por enquanto) é a primeira, o resto, como essa da criança, são as menores. Não sou muito bom de religião, mas lembro de uma história que Jesus foi batizado aos 30 anos, seus pais eram uns sábios mesmo. E vc ME LEMBRA um Barrabás, acusando as pessoas sem ao menos saber como elas pensam...

    ResponderExcluir
  7. fico muito triste em saber que a imprensa é um bando de hipocritas.. meus pais sao um exemplo disso.. caiu a casa da minha irma aqui em casa dai estava conversando com meus pais, meu pai falo bem assim: acho muito melhor enxer a cara doque fumar um baseadinho.

    fico indignado com isso... eles fumao cigarro e bebem. nao vejo o mal em fumar um baseadinho

    ResponderExcluir
  8. A apologia a dança pornografia infantil na tv, é pior que qualquer adesivo pró maconha. Esse Wagner perdeu a perna porque estava bêbado e trincadão,ele tem moral para falar de qual maconheiro?

    ResponderExcluir
  9. Concordo fabiofarofino, a pornografia infantil, pedofilia, devem ser combatidas com prisão. Uma criança com adesivo pró-maconha é só um pretexto para as pessoas que não conhecem maconha e são contra, acusarem maconheiro de irresponsável. Não vejo Wagner Moura na TV, mas garanto que praqueles que adoram seu programa e, provavelmente alguns deles odeiam maconha, aquilo vai servir de "petisco" numa conversa sobre drogas. Como disse, esse assunto leva tempo, estamos pisando em ovos, não valeria agir com mais serenidade agora, pra que possa chegar um dia em que qualquer um acenda seu baseado aonde bem entender? Quer dizer, respeitando os lugares não permitidos, assim como o cigarro, óbvio. Aí nesse dia, pode pintar seu filho de verde se vc quiser...

    ResponderExcluir
  10. Ras Fernando Alves15 de maio de 2012 11:24

    Salve irmãos...
    primeiramente gostaria de falar que a Ayauhasca, é permitida em contextos religiosos, e tambem para crianças, dentro dos mesmos. Estudos ja foram realizados e comprovam só melhoras na vida de crianças que se ultilizam desse sacramento em contextos ritualisticos.
    A regulamentação, ou Legalização da Cannabis inclue a saúde, e na segurança tanto das crianças quanto dos adultos.., Interfere na vida de TODOS. Ninguem esta aqui falando que criança alguma ou menores de idade devam ultilizar a Ganja, existem outras formas dos pequeninos se beneficiarem sem ultiliza-la, tais como;, papéis, cosméticos, roupas, bio plásticos, bio combustiveis.., alimentos(feitos a base da semente o qual não tem THC e outros principios ativos, e sim são riquíssimos em nutrientes como diversas fontes de Omegas, e acidos). Sou pai e adoraria viver em um mundo mais consciente, saudavel, e menos perigoso para minha filha poder brincar. sabendo realmente o que são as coisas., Por isso ontem, hoje, e sempre, libertem a PLANTA!!! Vamos permitir que essaplanta continue auxiliando na história da humanidade como ela sempre fez!!
    Portanto LEGALIZE GANJAH!!! Valeu galera do Hempadão, da Marcha, Tomazine, parabens pela luta, dia 19 tamo la no MASP! grande abraço
    JAH REINA!

    Ras Fernando Alves JAH I RAS band

    ResponderExcluir