sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Politicaos – Porque a Gente é Assim?! [PotPoets 188#]

domingo cada um por si

sigiloso ato secreto

de ir às urnas

e com dedo amarelo

apertar o verde

 

decidir futuros

mudar vidas, traçar rumos

avançar ou sucumbir

placebo democático

chamado voto

convoco você:

a pensar por si, só!

 

política de cada dia

nos dai hoje a força

de discenir

o que é decidido por somar

ou mero desamor

sob intuitos para dividr

 

significa dizer e insistir

tão tranformando política

em um sentimental elixir

feito de moral e covardes atritos

pessoais – meras birras bossais

ou mais: interesses excusos

que optam sempre por excluir

os demais – mesmo quando iguais

 

é preciso percorrer o sentido

analisar partido e pertinência

tudo isso importa e não é pouco

 

a festa já tá paga, de novo

e pra gente nem sobra o troco

pior que isso,

ao maconheiro: sufoco.

feito na Marcha daqui ou de lá

 

quando vamos parar de apanhar?

talvez quando pararmos de bater

pois batemos cada vez mais forte

e organizamente

contra nossas próprias

mentes.

 

querem controlar o que?

a quem?

não controlam ninguém.

 

basta falar a verdade, eles vem.

em bando, rufando, xingando.

a censura moral lhes convém.

silêncio dos outros também.

 

mas eu falo

de fato

é fácil definir o certo do errado

mas pra isso é preciso ler

observar as entrelinhas e entender

 

só restando lamentar

quando parte do grupo

joga pra perder.

3 comentários:

  1. porque a gente é assim. ops! péssimo gosto por musica e fã de barão vermelho detected!!!!

    ResponderExcluir