sábado, 6 de outubro de 2012

Uso da Maconha e Suas Representações Sociais [Universidade da Ganja 188#]

Chegado o final de semana, descanso na escola e faculdade, mas… espaço aberto para aquela busca acadêmica por produções que contemples nossas laricas de informação sobre maconha. O estudo de hoje é direcionado ao campo da Psicologia e título do trabalho é Uso da Maconha e Suas Representações Sociais: Estudo Comparativo entre Usuários. Leia o resumo abaixo e clique na imagem para ler o artigo completo.

 

image

 

RESUMO. Esta pesquisa teve como objetivo comparar as representações sociais dos universitários concluintes de cursos das áreas tecnológica, da saúde e jurídica acerca do uso da maconha. Dela participaram 60 universitários, de ambos os sexos, com idade entre 22 e 30 anos. Foram utilizados como instrumento entrevistas semi-estruturadas e o material coletado categorizado através da análise de conteúdo temática de Bardin (1977). Os dados obtidos  entre os universitários possibilitaram representações consensuais e particularidades de acordo com os campos de atuação profissional. Os universitários de direito objetivaram suas representações com base nas questões legais e sociais; os de saúde, nas concepções médico-orgânica e psicossocial; e os de tecnologia fundamentaram suas representações em elementos psicossociais. Conclui-se  haver a necessidade da formulação/mudança de estratégias que sirvam de subsídios/dados à formação de profissionais, principalmente das áreas de saúde e jurídica, para serem aplicados nas suas práticas futuras de intervenção junto aos usuários de drogas e seus familiares, bem como na implementação de políticas públicas de educação e promoção da saúde.

4 comentários:

  1. Excelente pesquisa! Resultado esperado! Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Pesquisa sem embasamento cientifíco.

    ResponderExcluir
  3. Que absurda essas opiniões da galera, em que mundo de bitolados essa pesquisa foi feita?

    ResponderExcluir
  4. Maconha não causa esquizofrenia!

    ResponderExcluir