quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Hempadão na I Copa Growroom – Acredita?! [Adão e Erva 194#]

Adão contou suas aventuras em Salvador. Tinha que ter, afinal, o Hempadão nunca tinha pisado no nordeste brasileiro, lembram disso? Pois é! E no final de semana seguinte foi a vez de uma viagem ao sul do país, onde também nunca tínhamos ido. O Hempadão botou equipamentos na mala de novo e desta vez partiu para uma ilha mágica onde todos os camaradas eram growers, ou melhor, cultivadores – então entre amigos e flores, Adão passou um final de semana cheios de emoções – entre sedas e camarões, Adão ficou maluco! E no final ainda teve show do Planet tipo cereja no bolo, ou haxixe no beck.

 

Mesmo sem ter podido cobrir o evento, o Hempadão dá um jeito… e vai buscar algumas lembranças da Copa pra poder fazer uma crítica 100% positiva! Puta que pariu meu irmão, que copa! Se por um lado você não pode [a vida não deixa] do nada começar a chorar de emoção no meio do salão, ao autor de crônicas e outros gêneros literários é reservado seu espaço infinito sequencial de linhas e letras para destilar toda sua verdade que não quer ser escondida. Sem rasgação de seda, mas é impossível não dizer: foi emocionante ver, viver, vivenciar, observar e participar de mais uma copa canábica no Brasil. Só quem vive essa militância sabe a importância daquilo que ali se viu.

 

O que dizer do camarada Beckenbauer?! É pouco ou quase nada o melhor que o texto tem a oferecer: a tentativa de dizer o quanto o Hempadão é grato a você! Salvou transporte e hospedagem e ainda aturou as histórias de um grpo carnívoro até a alma. Vieram com a ideia de um sushi, mas o Mestre Cuca cortou o barato com o mesmo facão que já fatiou a picanha lançando na brasa. Do caralho ficar com a praia tão perto de casa. Clima do lugar sem igual, obrigado pela estadia e toda moral!

 

O que dizer de toda organização da copa?! É pouco ou quase nada o melhor que o texto tem a oferecer: a tentativa quase vã de simplesmente agradecer, além é claro de parabenizar sem fim o evento que colheu nada mais nada menos que quarenta uma amostras de cada jardim. E só quatro se classificaram pro fim. Nem vou comentar a potência da finalista, mas basta dizer que as eliminadas empenaram a cabeça do MC Eltin.

 

Teve gente reclamando que postar sobre isso é desrespeito aos leitores porque o evento é fechado. Não devia nem comentar, né?! Mas Adão é homem milenar é gosta de explicar até para quem não quer entender. O evento é fechado, é claro, e assim que tem que ser. Ou corre o risco de nem ter. E saibam vocês que nem o Hempadão chegou fácil até lá, viu?! Ou você acha que a equipe do hemprensadão competiu com uma de vinte do jacaré?! Já apareceu até gente dizendo que agora o Hemprensadão virou Hempeters! Vagabundo não é fácil, a vida não é mole: mas existe uma regra geral que nunca falha: quem planta, colhe. Seguimos plantando nossa militância e temos o maior orgulho em colher pipocas e buds de harmonia, uma variedade que se planta com sementes de humildade e sabedoria. Já que o Hempadão não vai sumir, que tal botar esses malucos pra somar? Isso a gente tenta fazer desde o momento em que começamos a postar.

 

Valeu a pena! Conhecer cada um. Dividir a mesa com feras do cultivo e nomes [nicks] que conhecia há tempos só de nome e julgava ser dinossauros do fórum. E são. Teve gente que gostou da Big Buddah Cheese, apesar da média quase sete e pouco. Salve, salve, Buchecha! Uma honra dividir a mesa com o cara – simpatia e uma super manicura na Special Queen #1! Lost, o cara com quatrocentos e vinte dedos na mão foi nomeado o shapper [depois descobri que já é tradição] e ainda tinha o Aquaponic, gente fina também! Nosso grupo na primeira rodada queimou as amostras mais rápido que o forno da CSN em dia de incinerar maconha apreendida. Olha que ainda tinha que julgar odor, sabor e batida. Que tarde divertida!

 

O que dizer daquela locação?! É pouco ou quase nada o melhor que o texto tem a oferecer: palavras, só palavras para descrever. Foto? Isso não rolou fazer, mas tem uma galeria da SemSemente rolando pra todo mundo ver. É de encher os olhos, para se ligar clique aqui! Bnegão colou no final para entregar os prêmios e dar um dois no baseadão. Como não? Só o D2 perdeu essa. Ou quem sabe não tava por lá escondido, sem pressa, só dando pressão?! Acho que não. Mas se tivesse ido, o show do Planet mais tarde ia ser Planet Hempadão. Sem blunts, a boa fasta era observar os semblantes. Festa para iniciados, não para iniciantes. Depois desse ano, Adão como jurado jurou que nada mais será como antes. Vamos ser kamikames pela legalização e dar vôos rasantes. Que se foda a paciência dos hipócritas e ignorantes. Pode copa da cachaça e desfile de refrigerantes? Então segurem a maconha e sua legião de amantes. Buds cristalizados igual diamantes: Sapatinho de cristal da Cinderela99, a campeã.

 

E uma piada interna antes de partir pra Amsterdam: alguém sabe quem é dono da porra do honda fit? Outra: Um salve pro Cris @ com CC e pro Cabelo de Brusque. Quem disse que Adão sequela? De Floripa leva lembranças e histórias pro resto da vida. Além de uma sensação de meta cumprida! Esperamos poder sempre compartilhar dessa história que vem sendo escrita. Sem mais, que festa bonita.

8 comentários:

  1. poorra, que da horaa!!

    ResponderExcluir
  2. essa casa eu conheço;duvida

    ResponderExcluir
  3. puta que pariu heeeein...
    caraaaalho...deu muita agua na boca!!
    um dia pisarei em solos como este!!
    =DD

    ResponderExcluir
  4. óóóó ô HEMPADÃO PASSOU DE HEMPRENSSADÃO PARA HEMPETER'S

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    MÓ GOSTÃO DE PETER'S O FUMO

    SACANAGEM

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  5. Palmas!!! Clap Clap Clap Clap!!!!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns representou com a Big Buddah Cheese.

    ResponderExcluir
  7. Valeu hempadão pé quente! Foi uma honra compartilhar a mesa com o Adão... e trazer para o Rio o troféu do segundo lugar!

    Vamo q vamo cultivar galera, q é muito fácil e poder fumar um bud nem se compara com o prensado...

    hempeters é phoda...kkkkkk a growlera não pedoa...kkkkkkk

    Abraços do irmão de luta...
    Buchecha.

    ResponderExcluir