quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Virou Modinha o 420?! Que maravilha! [Adão e Erva #199]

Adão sempre se irritou com essa coisa de desmerecer algo ou alguém bem no momento quando ela alcança seu auge. Virar moda geralmente não é a intenção, mas quando acontece, geralmente é fruto de trabalho árduo ou no mínimo anos de experiência e experimentação. É claro que não falo dos hits de verão, que as vezes são tão famosos quanto efêmeros. A cultura 420 virou moda? Maravilha! Que façam uma novela da rede bobo chamada: A hora certa. E o protagonista sempre encontra sua amada embaixo do relógio da central marcando 4:20 - todo episódio isso se repete, feito um sonho.

 

Antes de reclamar que o blog fala e se faz através do 4e20 vale lembrar que é assim desde o primeiro post! Quando se pensa uma linha editorial para um blog detalhes como esses - singelos - podem fazer diferença. E então virou tradição. Sempre que dá 4e20 o Hempadão posta, da tarde ou da manhã. Periodicamente aparece alguém perguntando, mas o que significa esse negócio de 4e20? Já falamos sobre isso... Adão é velho, milenar, ancestral e rabugento. Mandou dizer que o post de hoje é sobre esse negócio de modinha e claro, a nossa modinha, a 420.

 

 

Nossa, diz ele, é a cultura canábica no geral. Porque outro sonho é quando o Hempadão virar modinha. Falta muito, será? Vagabundo já reconhece o nosso vlogger, o Tomazine, pela rua de vez em quando. Se o Hempadão virar moda será que a informação vira tendência? Se a música boa virar moda o pessoal que se acha muito crítico vai passar a só ouvir música ruim? Pera lá. Se caretas sacaneiam a Cone tudo bem, beleza! Mas e as toneladas de maconheiros falando mal? Vocês não torcem nem um pouco por um freestyle do Maomé no Fantástico ou no Faustão? E nessa oportunidade, sei lá, ele manda um papo contundente sobre a legalização, imagina!

 

Publicitários sabem bem que quando você está satisfeito com um produto você conta para 2 ou 3 pessoas, mas, meu amigo, se você está puto com alguma marca, você cria até uma página ou site para explanar ao máximo para 420 pessoas ou mais. Os que reclamam, portanto, não são maioria. São apenas mais empenhados.

 

Agora deixa eu contar uma coisa para vocês: por mais ridícula que seja a banda ou a iniciativa, o que mais motiva são as críticas. E o que mais faz valer a pena é o contato com leitores e fãs, o real impacto que isso pode ter na vida das pessoas e tem, tanto que volta em forma de e-mails e mais e-mails além de afeto e vínculo. Então, nesse caminho de mão dupla, todo mundo está sendo importante. Uns para impulsionar e outros para justificar, dar finalidade ao ato. Foda-se quem zomba, os moleques enchem o Circo Voador e gastam a onda. Tá bom não?!

 

Se 4e20 virou moda e você é maconheiro e acha isso ruim, ora, você deve estar maluco! No fundo no fundo, Adão descobriu com dr. Maria Joana, psicóloga e atuante na área de fãs desesperados, que é assim que funciona. Segundo ela, "o que acontece é simples. O fã tem um apego incondicional pelo artista e junto disso carrega um sentimento de posse, comum entre relações afetivas de laço amoroso", explicou a especialista e completou a lógica: "então quando, de repente, o artista consegue alcançar a fama e passa a ser ídolo de todos, essa pessoa se sente - digamos - órfã ou viúva daquele modelo ou estilo".

 

Vão dizer até que o Hempadão virou um lixo porque agora tem entrevistas fictícias. Já cuspiram na cara do Adão cobrando jornalismo, sem nem mesmo perceber que isso aqui é um espaço literário, toda quinta tem, ou quase isso. É tão infundada a crítica gratuita que, perceba, é unânime. Recai sobre todos, sem exceção. "O Cinco se apropriou da Marcha", enquanto "o D2 se vendeu"! Pera ae! Deixa eu ver se deu pra entender. Quem faz bota cara pro tapa e depois não reclamem se isso aparecer. Virou moda dizer que tudo é moda e vocês não conseguiram perceber.

 

Se 420 virar moda mesmo, a maconha vai ser legalizada. Propaguem essa moda e vivam essa moda como uma revolução. A mudança cultural é muito mais importante que a legislativa e se faz é com boa comunicação, falando a língua das pessoas, com humor e informação. Falem mal mas que falem sempre do Hempadão!

25 comentários:

  1. orra falou tudo em!!
    "A mudança cultural é muito mais importante que a legislativa e se faz é com boa comunicação, falando a língua das pessoas, com humor e informação."

    ResponderExcluir
  2. o que é foda, é que quando o cara chega nesse nível de exposição, começa a mudar o foco pra umas paradas que não foram as que o levantaram. começa a fala sobre coisas mais fáceis, mais "acessíveis" à um público massivo.
    eu curtia muito cone por conta dessa ideia de vagabundo sujo fazendo rima em lapalapa e falando de revolução e luta direta contra o sistema, e agora os cara vem com "a saia dela diz onde ela quer chegar" e umas paradas que você escuta e não tem como lançar o clássico "se venderam!". enfim, qualquer pessoa que curte mesmo o som de uma banda, quando percebe a mudança radical de um disco pro outro, se espanta.
    tá certo, você chego lá na fama e ta curtindo, mas po, seria lindo alguém fazer diferente e quando chegasse lá, chutasse o pau e mandasse o SISTEMA pro caralho, ao invez de se engolido pelo sofá de couro dele.
    começo a fazer música pra mulherada(nada contra, mas normalmente elas tem um ouvido péssimo), acomodou, aí já era.

    ResponderExcluir
  3. como assim mulherada tem gosto péssimo?! hahaha

    ResponderExcluir
  4. REALMENTE HEMPADÃO MUDOU
    EM COMPARAÇÃO A UM POST DO ANO PASSADO OU RETRASADO EM QUE O ADÃO RECLAMAVA QUE A MACONHA NÃO PODIA TA NA BOCA DE QUALQUER UM COMO SE FOSSE SÓ FUMO DE ARTISTA GENIO E INTELECTUAL...

    REALMENTE AS PESSOAS MUDAM MESMO, PODE SER BOM OU RUIM

    ResponderExcluir
  5. sinceramente acho as musicas do cone crew fracas,as letras até que tem uma objetividade o problema é a musicalidade que não é a minha praia.

    mas não vejo problema dos caras ficarem famosos,afinal é só uma moda passageira

    ResponderExcluir
  6. agora geral vai ficar com a cabeça aberta né
    aqueles que criticavam os maconheiros hoje ouve conecrew e posta 4i20 no face isso até que pode ser bom se geral explanar o modo de vida 4:20 a maconha é legalizada logo logo flw brother e vamos rumo a legalização do meu remédio do dia a dia...

    ResponderExcluir
  7. Não concordo, sinceramente esse tipo de pessoa alienada que fuma "droga" e não cannabis e que adere a qualquer modinha do momento são os que dão má fama ao movimento ou a aparência errônea do melitante/usuário, hempadão tirou onda agora. Conecrew ouvi muito e os caras ~até que~ mandam, mas o público que eles tao atingindo não tem NADAAAAAAA haver com isso aqui, nao tem nada haver com quem lê sobre maconha, com quem lê o hempadão, enfim, o público 420 que posta essa merda tda hora geralmente é um adolescentizinho filho da puta -desculpa o palavrão, mas um filho da puta bem colocado da ênfase a minha indignação e exaltação e poupa vários adjetivos- que o que mais sabe fazer é reclamar da vida, fazer qualquer merda no fim de semana e mostrar pra sociedade que não passa de um adolescente inresponsável etc etc maconheiro. AI meu amigo, nasce o pré-conceito, porque vão associar tudo o que esse e outros mesmos que fazem igual a maconha, ao movimento da legalização, tudo a mema merda, tudo maconheiro não é não? Então para de defender QUALQUER tipo de modinha, uma modinha de ler o hempadão sim, seria dahora pra essa gente saber o que é maconha, mas essa do 420 vai toma no cu na moral

    ResponderExcluir
  8. Eu pelo menos não apoio ConeCrew não por eles serem dessa era que se dizem 420 e sim porque não acho o som dos caras bom.
    Eu senti que o HEMPADAO meio que puxando o saco deles não sei se estou certo. Talvez tenha interesses maiores envolvido, a maioria dos fãs de Conecrew que eu já vi é mulecada alienada tipo 13~17 anos por aê.
    Pode até ser que eles ajudem nessa luta da legalização más eu duvido muito, esses dai que se dizem 420 mal sabem bolar um baseado imagina ajudar nessa luta.

    ResponderExcluir
  9. modinha são folhas ao vento.
    o importante são as raizes.

    ResponderExcluir
  10. Por isso sempre digo à galera: FUMAR E FICAR DOIDÃO É LEGAL, NA HORA CERTA, COM ATITUDE, MÁS DEIXAR DE TRAMPAR OU ESTUDAR AFIM DE EVOLUIR SEU CRESCIMENTO INDIVIDUAL E PROFISSIONAL DEVEM SEGUIDAR EM FRENTE... Maconha sim mas com responsa. se a nossa erva for liberada no futuro e nego fazer MERDA,,, poderemos perder o respeito da sociedade e ter uma retroação, que nos custaria perda de tanto esforço para termos nossa liberdade.

    ResponderExcluir
  11. Concordo com o Anonimo acima! Estou quase repetindo de ano por causa da maconha, que muitas vezes tirava meu fóco! "FUMAR E FICAR DOIDÃO É LEGAL, NA HORA CERTA, COM ATITUDE, MÁS DEIXAR DE TRAMPAR OU ESTUDAR AFIM DE EVOLUIR SEU CRESCIMENTO INDIVIDUAL E PROFISSIONAL DEVEM SEGUIDAR EM FRENTE..." .... Minha mãe era "neutra" em relação a maconha... agora que isso aconteceu de quase repetir, ela já acha ruim!

    ResponderExcluir
  12. Concordo com o Anonimo acima! Estou quase repetindo de ano por causa da maconha, que muitas vezes tirava meu fóco! "FUMAR E FICAR DOIDÃO É LEGAL, NA HORA CERTA, COM ATITUDE, MÁS DEIXAR DE TRAMPAR OU ESTUDAR AFIM DE EVOLUIR SEU CRESCIMENTO INDIVIDUAL E PROFISSIONAL DEVEM SEGUIDAR EM FRENTE..." .... Minha mãe era "neutra" em relação a maconha... agora que isso aconteceu de quase repetir, ela já acha ruim!

    ResponderExcluir
  13. o problema é a criação de um estereótipo de quem consome maconha e essa moda 4:20 apresenta um tipo de pessoa meio irresponsável. fumo maconha mas não quero ser visto como um tipo de pessoa que essa modinha espalha.

    ResponderExcluir
  14. Rodrigão valeu por concordar comigo, cê foi corajoso. Quem ja não se sentiu meio lesado com riscos de prejuizo no trabalho ou estudo por fumar demais??? Procure beber a toda hora ou transar a todo momento ou comer doce o dia inteiro ou qualquer merda que for em excesso... VAI ENTRAR COM A BUNDA.
    A vida nos pede ponderação à todo momento, podem avaliar... hoje a tarde, qdo sair do meu trampo, após uma jornada de 12hs, queimarei o meu beke e curtirei minha viagem com mínimos prejuizos. De coração, adoro a galera cannabica do Hempadão...
    óia até rimou...kkk abrçs.

    ResponderExcluir
  15. Propaguem essa moda e vivam essa moda como uma revolução. A mudança cultural é muito mais importante que a legislativa e se faz é com boa comunicação, falando a língua das pessoas, com humor e informação.

    Cara, não to aqui pra falar de uma ou outra banda, to aqui pra apoiar a luta pela legalização.Se "Fulano" se vendeu ou não irmão, não cabe a mim julgar.Mas é fato que a "modinha" 420 é uma coisa boa pras pessoas perceberem que maconha não é du mal não.

    ResponderExcluir
  16. sim Hempadão tem Moral, respeito pra poder bater no peito e dizer que 4:20, muito antes de ser modinha já fazia parte do nosso cotidiano enfumaçado.

    O Foda é ter que aturar essa criançada playboy, fãs de ConeCrew, se pagar com uma para que conheceram ontem, sem ao menos se dar aos respeito, fora essas pichações ridículas de 4:20 feito por essa criançada de 14, 15 anos

    Nós a tratamos a Ganja com Respeito, como um espirito sagrado que nós abre as portas da realidade, não para ficar chapadão, mas sim para entrar em equilíbrio com nosso verdadeiro ser.

    Ganja Sagrada! não esse lixo que chamam de Maconha vendida na mão de traficantes.

    ResponderExcluir
  17. FALE BEM, FALE MAL.. MAIS FALEM DE MIM ..

    ResponderExcluir
  18. "A mudança cultural é muito mais importante que a legislativa e se faz é com boa comunicação"

    Resumiu tudo. parabéns mais uma vez, Adão, pelo texto!

    jah bless

    ResponderExcluir
  19. O problema disso tudo é que como um anonimo ja disse, essa moda quer dizer que a nossa santa erva e o que falam dela esta na boca de quem bem quiser, tendo informação ou não. Respeitando e participando dos aconteçimentos cannabicos ou não.
    E é bem isso que aconteçe, em grande maioria assim como as letras da cone, as idéias que ouço desse publica são bem fracas e mal informadas. Não sou uma pessoa preconceituosa e sempre tento ouvir ambos os lados. E quando ouço esse publico quase sempre é a mesma ideia... tem o maior orgulho de dizer que fumam, que isso é o de menos, que deveria ser legalizado. E quando pergunto o por que, as respostas são tão vagas e com tantos pré (sempre pendendo ao "nosso" lado) quanto as pessoas que recriminam.
    E agora, vamos apoiar qualquer um que esteja do nosso lado, estando eles certos ou nao ?
    Se for pra alcançar meus objetivos assim prefiro tentar alcança-los sozinho, mesmo que impossivel

    ResponderExcluir
  20. 4:20 faz parte da nossa cultura e não vamos abando-lo NUNCA !
    Mas coisas como cone crew e seus seguidores mal informados não podem ser incentivadas, ainda mais por blogs tão bons e com tanto publico como o HEMPADAO

    ResponderExcluir