quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Na Estrada da Bad Trip... [REeDUcaÇÃO #14]

por Guilherme Storti

Salve, Salve!!

 

Então, hoje vamos falar um pouco sobre um fenômeno bem presente na vida daqueles que usam drogas e que com certeza grande parte das pessoas que fazem o uso de alguma substância já teve uma experiência desse tipo. Pois é, é a famosa bad trip!!

 

A “bad trip” ou “viagem errada” se dá principalmente quando o individuo faz o uso de alguma substância de forma irresponsável, sendo muito comum esse fenômeno acontecer quando existe a mistura entre substâncias variadas (misturar álcool com maconha, por exemplo), porém, esse não é o fator determinante para se desencadear esse fenômeno.

 

 

Muitas vezes, mesmo com doses mínimas, pessoas desencadeiam essa má experiência pelo simples fator de estarem com os seus estados emocionais alterados, fazendo com que a sua percepção do ambiente seja alterada em função dessa alteração emocional e agravando-se com a interação da substância psicoativa dentro desse contexto “perturbador”.

 

É muito comum os sentimentos ficarem aflorados durante o consumo de drogas e se o individuo está com o seu estado emocional alterado isso pode ser refletido durante a sua “lombra”, fazendo com que uma sensação que geralmente é bastante agradável passe a ter um efeito totalmente invertido, causando um extremo mal –estar com sintomas que podem variar desde uma simples sudorese até tendências suicidas. Outros sintomas que são bem comuns durante uma bad trip são: pânico, medo de não voltar da “viagem”, mania de perseguição, alteração da frequência cardíaca, desrealização (impressão de que está em outro mundo ou sonhando), despersonalização (sensação de que está fora do corpo).

 

Um grande risco proporcionado pelas “bad trips” é do usuário desencadear processos de doenças psicológicas pré-existentes, tornando um simples ritual de uso de drogas em um dano que pode ficar para a vida toda. Mas também existe o outro lado da moeda e muitos usuários afirmam nunca ter passado por tal experiência.

 

Algumas precauções podem ser tomadas para evitar as tais “viagens erradas”, como ter um consumo de drogas mais responsável, estar acompanhado de uma pessoa que não esteja sob efeito de nenhuma substância, evitar ambientes fechados, conhecer a procedência da droga, beber bastante água, se alimentar adequadamente e principalmente evitar a mistura de substâncias variadas, pois quanto mais se mistura, mais longa e angustiante pode ser a sua viagem.

 

E aí, quem já teve aquela bad sinistra??? Quem já viu alguém ter uma bad bem louca??? Alguém aqui nunca passou por uma bad???

Grande abraço á Tod@s!!!

48 comentários:

  1. Eu já tive "bads trip", normalmente era quando eu utilizava cocaína, na maioria das vezes, quando o uso era excessivo ou então quando a droga estava acabando, me dava sensação de medo, perseguição, ficava acelerado. Mas normalmente este é o efeito da droga!! Tive outro caso com doce, tomei 1 e meio, pois ele não estava dando onda, eu olhava para a frente, todos dançando na balada e parecia que não conseguia me mexer, minha visão escurecia e voltava, pareceu uma indisposição no momento em que tentei me divertir mas não conseguia travei, não foi nada muito forte que é para se sentir medo! Atualmente utilizo da cannabis e com gosto, várias bongadas, e nunca senti uma bad fumando maconha, pelo contrário parece até que renova meu astral!! Jah blass e God Trip a todos!

    ResponderExcluir
  2. Bad é suuper natural kkkk... Inclusive tem umas tão forte que fazem vc nunca mais querer usar aquilo que lhe causou a Bad :\.. Mas é aquela coisa né, quem nunca passou por uma bad trip? :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bad eh foda kkkkk vc confia demais na noia que vc tendo,inclusive to tendo uma agr nesse exato momento sem conseguir dormir. ja tive uma que achava que um dos meus melhores amigos era um assassino e queria me matar kkk obrigado pelas palavras anti bad hehe

      Excluir
  3. http://www.youtube.com/watch?v=0RTBd0G1aHg

    Advogado da Marcha x Marisa Lobo. A que se diz cristã se contrdiz de dez em dez segundos...diz q não é pessoal, depois diz que é; diz que não há pesquisa 'infelizmente', ela diz, acredite, Marisa Lobo disse que não 'infelizmente' não há pesquisas sobre maconha. É muito hipócrita, já que ela luta pra manter barreiras aos estudos, ela luta pela burocracia que quase impede o estudo em alguns países; no fim, pra confirmar o show decontradições, ela diz que a maconha não é a responsável pela violência. Exibição do Cortina, foi boa: na volta a psicóloga ficou alucinada.



    A boa é que o programa foi veiculado com recomendação categoria Livre. Estamos sim evoluindo. No fim mostrarm Cortina de Fumaça.

    ResponderExcluir
  4. Já passei por uma "bad Trip", por causa do uso excessivo da Cannabis ;/, mas como cita no post, as "bad" são relevantes somente no uso da substância, em que a pessoa passa por um abalo sentimental, e pelo motivo de eu estar com esse abalo, me senti prejudicado com o uso da Cannabis, até o ponto de não usar mais, mas depois foi só melhorando, estou num ótimo emprego e estou muito estável psicologicamente.

    Fica a dica para não abusar de nenhuma substância, tanto remédios quanto drogas, alcool, e principalmente cigarros, cigarros devem ser banidos do sistema solar.

    ResponderExcluir
  5. já tive minha bad trip também, com um prensado muito louco aliado a má alimentação e bebida.. foi foda, pressão baixou demais, fiquei só respirando mesmo, porque nem pensar nem me mexer eu conseguia. outra vez desmaiei, por conta de má alimentação mesmo, em um show. mas é isso aí. aprendendo com os erros, hoje só tenhos goodíssimas trips! ;D

    ResponderExcluir
  6. Maconha tem lado ruim? Ainda nao descobri, nunca tive isso!

    ResponderExcluir
  7. Ja tive a bed, no dia não tinha comido nada , e tinha tomado muito cafe, foi uma esperiencia alucinante e desagradavel.

    ResponderExcluir
  8. Roberta M.

    Quando o meu conhecimento sobre a maconha era muito restrito e eu pensava igual a maioria das pessoas (ou seja, com preconceito), eu nunca quis saber de usar. Meu namorado, bem mais velho que eu, me contou suas experiência quando jovem e decidi pesquisar muito sobre a maconha e tal, tanto que em Dezembro ele me presenteou com um backzinho pra ficarmos de boa em um sítio.. foi maravilhoso, ampliei demais minha percepção, passei a pensar o mundo de forma diferente e tal. Decidimos fazer outra vez uns 10 dias depois, o problema é que tínhamos bebido vinho, e eu ainda nao tinha lido sobre as bad trips aqui no blog, resultado: me lasquei! Coração mega-acelerado, pensei que ia morrer.. nossa, a pior coisa q ja aconteceu. Depois disso, uns 3 dias depois acho q fiquei tao impressionada que me deu um leve ataque de pânico, que so veio passar no outro dia. Fiquei triste pois gostei tanto da primeira sensação que gostaria de repeti-la. Mas estou dando um tempo pq ainda sinto um medinho de acontecer novamente.

    ResponderExcluir
  9. baaaaa bad trip é o teto ruim, eu graças a deus nunca fiquei em um teto preto.... o maximo é uma noia passageira de perseguição, mas isso depende do lugar que tu está né ? kkkk good trips a todos

    ResponderExcluir
  10. Lyonella te amo!!! Ass: um cara que é louco por vc!

    ResponderExcluir
  11. No ano passado eu enfrentava um momento ruim da vida. Resolvi acender um beck para dar aquela desopilada. Só que dessa vez, em vez de esquecer dos problemas, eles tomaram uma dimensão absurda e me dominaram completamente. Fiquei triste pra caral*o, pensava um monte de m*rda e me senti fisicamente destruído. Foi muito ruim, mas a bad em um momento passou. Só que a partir daí, meus olhos abriram e os tais problemas eu passei a encarar de uma outra maneira. Com relação à maconha propriamente dita, passei a respeitá-la mais e diminuir o ritmo de consumo (sei que muitos vão discordar, mas isso para mim serviu bem - fumar menos para fumar sempre)...
    Moral da história: mesmo de uma bad trip você consegue extrair algum aprendizado...

    ResponderExcluir
  12. Tive bad quando comecei a fumar, pois era prensado, achava que ia morrer, mania de perseguição, mas depois nunca mais tive, e pra quem quer ter a melhor good trip de todas eu recomendo um chá de cogumelo.

    ResponderExcluir
  13. ja passei por uma bad com o chá de trombeta, quem mais?

    ResponderExcluir
  14. eu já tive varias bads desde sudorese a viagens e alucinações, um dia no aniversario de um brother nós fomos fumar maconha pra comemorar e depois pegamos um busão pra ir pra casa da avó dele
    dentro do ônibus eu comecei a me sentir mal e do nada fiquei escutando a voz da minha mãe chorando porque um cara tinha me matado e nesse mesmo instante eu senti uma dor enorme no abdomen semelhante a uma facada na barriga
    na moral
    é uma sensação horrível velho
    a bad tava tão intensa que eu desci do ônibus e voltei andando pra casa
    de baixo do sol
    pense num sofrimento !

    ResponderExcluir
  15. Nunca fumei, cheirei nem nada do tipo nem cigarro normal nem álcool putz sou uma legitima "careta" porém uma careta mega esclarecida e super a favor da descriminalização e legalização das drogas, porém com bem diz o nome são drogas não podemos esquecer disso então como tudo na vida o uso tem que ser feito consciente e moderado, ja perdi amigos em overdose de cocaína, já vi outros em bads mega intensas em festa com doce, então pra mim quer curtir curte mas sua vida vale muito mais do que um prazer momentâneo e desmedido, é possível sentir prazer com tantas outras coisas, de tantas outras formas vamos se ligar mais em proteger a nossa vida primeiro bad é bad gente vamos se ligar.

    ResponderExcluir
  16. Bad trip mesmo foi essa aqui: O Narguile explodiu!

    http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2013/01/narguile-explode-e-deixa-estudante-em-estado-grave-em-cascavel-pr.html

    ResponderExcluir
  17. tive bad por 1 ano msm sem fumar. mas o to mas tranquilo e fumando

    ResponderExcluir
  18. Ja tive varias bads com maconha, o estranho é que foi so com maconha, ja tomei lsd e cocaina e foram brisas boas, hoje estou dando um tempo da cannabis, e nao sei quando vou voltar a fumar.

    Otimo assunto para ser discutido aqui no blog, esclarece muitas pessoas.

    ResponderExcluir
  19. É isso aí, galera...

    To gostando de ver a participação de todos vocês..
    Pelos relatos podemos perceber que, assim como o consumo de drogas, a bad também tem um significado diferente para cada pessoa e desencadeia por diversos fatores, não existe uma linearidade, são elementos bem subjetivos que nos leva a ter esse tipo de experiência...

    A troca de experiências se torna bastante importante neste sentido, pois as vivências dos outros sempre nos ajudam de alguma forma e trazem muita bagagem de aprendizado...

    Grande abraço á tod@s!!

    Guilherme Storti

    ResponderExcluir
  20. Cara com erva e pinga eu nunca tive bad trip! mas com LSD e estasy ja tive muita bad kkk umas pira loca demais! pirei que ia morrer e etc .. mas hoje nao curto mais só a ganja, erva, baseado, maconha, marihuana! Moro aqui no paraguai em ciudad del este abraço a todos q querem paz

    ResponderExcluir
  21. Cara com erva e pinga eu nunca tive bad trip! mas com LSD e estasy ja tive muita bad kkk umas pira loca demais! pirei que ia morrer e etc .. mas hoje nao curto mais só a ganja, erva, baseado, maconha, marihuana! Moro aqui no paraguai em ciudad del este abraço a todos q querem paz

    ResponderExcluir
  22. ja tive com acido, mais no fim achei ate bom serviu de aprendizado fui querer misturar demais .. hj em dia sei usar mais de boa.. agora com maconha jamais .. ervinha e so goooodssssss!!! abraços

    ResponderExcluir
  23. Certa vez foi acometido por uma certa síndrome do pânico, queimei unzinho na beira da rodovia e após sair do local qualquer carro que eu via pelo retrovisor me parecia uma viatura da PRF. Entrei em pânico, tinha certeza que iria rodar (estava com 5 parangas na mochila), pra minha segurança, resolvi encostar em um posto de gasolina e esperar a policia chegar. Depois de 20 minutos percebi que não tinha ninguém atrás de mim. Foi no minimo desesperador, depois deste dia abdiquei o uso de cannabis.

    ResponderExcluir
  24. fumei maconha , a brisa não passa , fico olhando pros lado rápido , coração,acelerado as vezes dor no olho na cabeça pode ser uma bad?

    ResponderExcluir
  25. cara, eu to na bad, é muito ruim nussa, ela faz eu ficr lendo esses seus comentarios varias e varias vezes, ta osso ! quando isso tudo vai passar? o meu é uma sensação estranha, do corpo, boca e tlas ! pensamentos mil, mais nada de perseguição assim não, so pensamentos mesmo ! :( fumei dia 1 de janeiro e ate hj isso nao passo !

    ResponderExcluir
  26. tive uma bad com maconha e to mau a 2 anos entrei na despersonalização e mania de perseguição é horrivel !

    ResponderExcluir
  27. Bom pessoal , adorei ler os depoimentos de vocês , pois me ajudou muito.
    Há dois dias atrás entrei em uma BAD TRIP Horrível pela 2° vez , por causa da cocaína. Eu estava virada de sábado pra domingo usando , não conseguir dormi, meus amigos e meu namorado dormiu.
    Eu acelerada , estava contando as horas pra todo mundo acordar e a gente fazer alguma coisa. No Domingo , na parte da tarde começamos a utilizar cocaína novamente , e de noite QUE ISSO QUE BAD . Achei que meus amigos estavam cheirando escondido de mim, e meu namorado também , estava desconfiada e mesmo assim não guardei pra mim , FALEI COM ELES : " vocês estão escondendo de mim" ? porquê? ELES foram super amigos e me explicaram que nada disso estava acontecendo. Diante dessa situação meu namorado me levou embora pra casa dele , e eu acelerada em lugar fechado , com o pai dele dormindo e no outro dia eu tinha que trabalhar... Comecei a dar paranoia , fiquei DOIDA , achei que ele ia me matar dormindo , então não queria dormi porque se não ele ia me matar , pensei em ir embora e ele falou que eu poderia ir , ACHEI estranho pensei : " alguém deve está me esperando lá fora ´pra roubar meu carro e me matar" CREDO :'( foi tenso .
    FORA EU ACHAR QUE MEUS AMIGOS ESTAVAM USANDO escondido.
    #parei - essa bad foi FODA

    ResponderExcluir
  28. Eu comecei a fumar um Beck de leve em 2013 mas no dia 30 d janeiro de 2013 eu Tava sozinho em casa com meu irmão aí nos fumamos um fininho no quintal de casa, qnd acabei entrei em casa e comecei a mexer no face, qnd percebi a doideira começou a chegar, mas logo fui dormir pq meus pais estavam p chegar, aí qnd fui enrolar o cobertor fiquei meio que sem sentir as pernas, aí meu coração bateu rapdao, achei que iria morrer de infante, logo falei para meu irmão aí ele me ajudou . joguei um jogo no tablet, ouvi música, aí meus pais chegaram, tive que segurar a onda, foi difícil dms, e pra piorar eu fiquei com esse bad um tempo,não sei se era psicológico mas sempre que chegava a noite eu ficava meio sem sentir as pernas, quando dormia ficava tendo uns pesadelos e suava muito, e isso foi saindo aos poucos, quando as aulas começaram aí os sintomas saíram de vez, isso foi dia 3 de fevereiro, mas eu fiquei traumatizado e desde então não fumei mais, mas meu irmão me alguns primos fumam direto, eu nem fui mais com eles hoje resolvi pesquisar sobre o assunto mas é melhor deixar que tô,e se rolar oportunidade, vou pegar leve

    ResponderExcluir
  29. To nem ai ja tive bad's agora que vi que não é so cmg e é uma coisa psicológica FODAS eu que mando na minha mente #vamolegalizar

    ResponderExcluir
  30. oi gente tudo bom? eu comecei a fumar faz pouco tempo, por volta de 1 ano, e já tive 3 bads só durante esse tempo, foda!
    a primeira foi tensa, tava voltando do carnaval com um amigo meu, ele foi embora e eu peguei o ônibus pra casa, comecei a ter bad dentro do ônibus mesmo; como meus pais estavam em uma festa e só a empregada tava em casa, tentei fazer a sóbria e me fudi porque comecei a falar coisa sem sentido pra ela, aí veio aquela confusão mental toda! fui deitar e piorou. eu suava, pensava em coisas ruins, não conseguia relaxar minha mente, sentia sensações ruins por todo o meu corpo... foi uma das piores noites que eu já tive, fiquei muito assustada, nunca iria pensar que uma plantinha me faria levar aos lugares mais tenebrosos da minha consciência.
    a segunda foi com certeza a pior, entrei em pânico, tinha bongado e era na casa de uma galera muito energia pesada, o quarto tava escuro, silêncio, tinha o pressentimento de que minha consciência se perdia naquele quarto, comecei a pensar nos meus familiares, entrei em pânico, fui embora e meu amigo desesperado tentando me ajudar. foi a pior experiência, eu fiquei paranóica mesmo, vomitei e cheguei a desmaiar. nunca quero ter isso de novo! eu ficava pensando como algumas pessoas poderiam ficar tão bem com aquela ervinha e eu surtar dessa maneira! também tive outra mais nada muito assustador, só foi um sentimento de medo mesmo, fui fumar depois da escola e eu tinha de voltar pra aula doidona daquele jeito, quando pisei na rua me veio aquele sentimento de bad, vi um professor meu, só que eu aprendi a ir me controlando, sei que isso é a substância que está simplesmente aumentando aquele estado emocional já existente, exteriorizando medos que vc já possui. com o histórico de bad que eu tenho, falo: a melhor coisa é tentar se distrair totalmente! faz coisas que vc gosta quando ver que vc pode estar começando a ir na onda ruim. eu lembro que uma vez eu tava quaaaaase começa do a entrar numa bad de novo (medo, ansiedade; são os dois sentimentos primários para que ocorra a bad trip) e eu tentei focar o máximo que podia em outra coisa, no caso, eu via o horizonte, eu estava perto de um lago e pensava como ele estava bonito, conversava com minhas amigas coisas boas e que te dêem aquela sensação de conforto que inevitavelmente aquele sentimento ruim passa e vem aquela paz súbita maravilhosa, admirando tudo que existe, fumei 3 pra 4 baseados nesse dia. A formula é vc estar num bom ambiente com pessoas que você confia, e fazer todo o esforço para excluir aquele fator que te incomoda. Faz uns 3 meses que eu não fumo acho, em decorrência de tanta bad só fumo agora quando eu tô com bastante vontade num lugar e com quem eu gosto, como esse dia ainda não chegou...
    Nunca pense que isso é algo que é seu apenas. Todo mundo passa por isso, ninguém é de ferro. Sorte que tive pessoas que sempre me ajudaram. E viva a legalização!

    ResponderExcluir
  31. Eu já entrei em uma bad de  lsd, não lembro muita coisa sabe eu meu namorado e mais 3 amigas minhas tomamos o beatles de Amsterdã eu e meu namorado dividimos um e a minha amiga tomou um e as outras duas tomaram metade.
    Dropamos no hallowin do colégio e acho que também pode ter cido que tenha ajudado a proporcionar a trip
    Como era uma festa hallowin estávamos fantasiados eu estava de pin up meu namorado de skatista (coisa que ele é esta todo dia daquela forma kk minha amiga estava de anjo com direito a  asas aréola e tudo mais a minha outra amiga estava toda de preto ela estava super vermelha daí ficávamos chamando ela de demônio.
    Eu não lembro muito eu estava sentada lá em cima com os meus amigo e derrepente só tinhá ficado quem tinha tomado o resto sumiu acho que por estarmos falando coisas idiotas alto e rindo como loucos, meu namorado era o cheshire (o gato risonho da Alice) e minha amiga derretetia minha outra amiga estava muito vermelha e o pior é que ela é negra,  meu namorado bateu a boca e sangrava muito e ele veio e me beijou e foi o melhor gosto que já senti algo inexplicável que nunca vai sair da minha mente apartir disso me lembro tudo como se fosse apenas um sonho vi palhaços com machados ensanguentados, eu gritava para o meu namorado e minha amiga que eu tinha que ir para a sala ae eles falavam que não tinha aula e eu falava tudo bem e o abraçava derepente eu o empurrava e repetia a mesmo coisa é fiquei muito tempo assim, eu nao lembro o que era mas lembro que ficavam repetindo coisas na minha mente e derrepente eu estava na sala de artes toda ensanguentada e tinha várias pessoas lá que ficavam falando que eu não iria ser nada na vida que eu iria me afundar em drogas pelo fatô de eu ter começado MUITO cedo eu gritava não bem braba e derrepente eu lembrei de umá coisa minha mãe naquela semana achou maconha no meu quarto e na msm usei o lsd sabe lembrei de como eu me senti arrepedida e de como eu influênciei minhas amigas que odiavam drogas eu estava muito apavorada eu não conseguia controlar a trip e minha amiga ficava falando coisas negativas e mandando eu calar a boca por que estava fazendo eles passarem vergonha mas ainda bem que tenho um namorado que se preocupa mesmo comigo, ele me levou para a coordenação explicou para a diretora o que tinha acontecido eles chamaram minha mãe e me encaminharam para o hospital aonde me  cedadaram com os mais fortes que tinha e não resolvia, eu sei que acordei com minha mãe me segurando e acariciando o meu cabelo é minhas alucinações não tinham parado ela falava é agora você vaí morrer e coisas do tipo eu lembro também de eu pensar qque estava com aides.
    Ate hoje não entendo o motivo da bad pois me sentia bem e nunca pensei em trip eu estava tranquila não misturei nada   e tomei apenas metade além se não ser a primeira vez que eu usei, e a minha amiga que tomou inteiro estava bem e em uma viagem boa mesmo tendo ocorrido tudo aquilo e da primeira vez nos tomamos juntas cada uma metade e ela ficou BEM pior que eu, eu estava de boa e ela estava bem retarda mesmo além de eu já ter usado algumas drogas com : ecstasi, amanita( cogumelo vermelho, mas comi ele puro sem secar e sem ser no chá coisa que diminui a pira), um lsd o mario bros que é mais fraco, baforei clorofórmio e três anos de maconha.
    E sinceramente acho que afetou o meu lado emocional pois hoje estou bem mais bipolar e também mudou totalmente minha forma de eu ver o mundo e acho que se não tivesse sido encaminhada à um medico e ter recebido a medicação certa hoje eu estaria em uma eterna
    Depois de tudo me afastei de minhas amigas pois a amizade não fazia bem a nenhuma de nós,mesmo eu estando com muita vontade faz exatamente 2 meses que parei com as drogas graças a uma promessa ao meu namorado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  32. Galera alguem me ajuda?

    Bem estou no intercambio ( moro no brasil mas atualmente estou nos eua ) ai meio que abalou meu sentimental fique com saidade da familia, amigos, da minha vida no brasil, ai sempre pensei que esse intercambio era meio que um "sonho" que era só por um ano e tlz... Fumei maconha por volta de 10 vzs nesse intercambio (desde que comecou o intercambio) ai a ultima vez que fumei foi sexta-feira de noite, e hoje sao 5h da manha de segunda feira, ai depois do fumo na sexta peguei uma bad trip, na trip fiquei com muito medo e essas coisas pensamentos a milhao, ai tomei um banho e dormi dia seguinte percebi que acordei estranho e fiquei meio sentindo mal, pesquisando na internet descobri que eu estou com aquele problema de DESPERSONIFICACAO, nao sou usuario a anos fumo a 5 meses e nesses 5 meses fumei por volta de 10vzs hoje na segunda feira de madrugada ainda me sinto estranho, alguem ja passou por isso? Me ajudam e me falem o que posso fazer ?? Essa sensacao vai durar para sempre??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí irmão, já está melhor?

      Excluir
    2. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  33. Bom, eu sempre fumei maconha com meus amigos e nunca me aconteceu nenhuma bad. Um dia resolvi experimentar LSD e só tive viagem boa. Tomei mais dois e só tive viagem boa também. Resolvi tomar um quarto em um rolê pra ficar mais sossegado. Tomei, fumei bastante e novamente tive muita viagem boa. Quando a pira passou, fui à casa de um amigo e lá fumamos no bong. Mas uns 10 minutos depois de fumar, a pira voltou muito forte. Comecei a ver coisas e ficar escamado. Comecei a achar que o meu amigo estava me controlando de alguma forma e via as coisas frame por frame. Fiquei com muito medo e fui embora, sozinho. Indo pra casa de bicicleta comecei a achar que alienígenas estavam controlando meu corpo e todas as pessoas do mundo inteiro estavam na terra por causa de mim. Como se eu fosse um experimento ou algo do tipo. Nunca tinha sentido algo parecido. Todo carro que passava, na minha cabeça estava passando só pra me assustar. Com muita dificuldade consegui chegar em casa, ainda louco. Comecei então a pensar que minha família também fazia parte de tudo isso, mas logo o efeito foi diminuindo e eu fiquei de boa. Foi horrível, pior sensação da minha vida.

    Duas semanas depois tomei metade de mais um doce e senti quase a mesma coisa. A sensação era a mesma, mas era MUITO mais fraca. Não associei à alienígenas mas só às pessoas, novamente achando que estavam tentando me controlar. Eu não consegui prestar atenção em nada que os outros falavam e ficava só pensando nessa viagem. Resolvi nunca mais tomar LSD e continuei a fumar maconha. Mas agora toda vez que fumo, tenho uma pequena BAD. Nada comparado à bad do LSD, mas já me causa um desconforto.

    Gostaria de saber se isso é normal e a mistura do LSD com maconha (no bong, que é mais forte) pode desencadear essas bads.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  34. Eu fumava todos os dias com o meu primo e no mesmo dia q o brasil perdeu a capa de 2014 eu tive uma BAD TRIP muito ruim fumei eu meu primo e um colega de boa aí o colega foi embora aí ficou eu e meu primo aí min veio a sensação q ele queria arrancar meus olhos e depois fui embora pra casa no maior pânico medo e sensação de perseguição daí não quis usar mais depois de uma 2mes voltei a usar e a pouco tempo tive outra BAD só q em 2015 veio até de novo então no momento não to usando com medo de outra BAD mais ruim e dessa vez achei q um amigo meu queria min matar pra roubar minha moto foi muito ruim ,uma gooods a todos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  35. kkkkkk isso me lembrou um dia que eu tinha terminado com meu namorado e fui na casa de um amigo fumar com ele e ficar com ele né, ai cheguei lá, a gente tomou lsd, bebemos pra caralho e por fim, o que fudeu tudo, a gente fumou um, ai eu comecei a ficar com ele e sentia falta do meu ex, ai comecei a chorar no meio do beijo e dei um empurrão nele, fui embora dali na hora, umas 3h da manhã isso, sendo que ele morava do outro lado da cidade, no caminho me perdi, fiquei toda fudida e pedi carona pra um estranho, nao me lembro do resto, so sei que acordei na casa da minha amiga e acordei bem kkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  36. alguém sabe me falar se da bosta misturar LSD com maconha ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  37. Respostas
    1. Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

      Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

      📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

      Excluir
  38. Adorei o artigo, meus parabéns ao autor. 👊

    Para complementar a leitura, gostaria de sugerir um outro material que também criei sobre o mesmo assunto.

    Uma bad trip também pode ser ocasionada por algum tipo de distúrbio mental que o indivíduo possa estar enfrentando. Nesse caso, é inevitável pensar 2 vezes antes de consumir qualquer tipo de drogas psicodélicas, pois elas são os principais estimulantes de problemas mentais.

    Saiba como sair de uma bad trip em um Festival de Música Eletrônica sem ajuda médica em 8 passos práticos! 💊

    📲 Leia o artigo completo agora: http://naturaltranse.net/como-sair-de-uma-bad-trip 📚

    ResponderExcluir